Esta tarde, o Legislativo afirma-se como Poder da República ou transfere suas prerrogativas ao STF



Negar a homologação da prisão do deputado federal Daniel Silveira e dar curso ao processo de cassação está mais de acordo com o que diz a lei e é politicamente mais consequente.

Replicando o que disse ontem o presidente da OAB do RS, Ricardo Breier, o editor ensina:



Está gostando? Participe do nosso GRUPO no TELEGRAM e saiba das notícias em primeira mão!

 

– O deputado federal tem imunidade parlamentar pelo que fala e se extrapola no uso dela, cabe à própria Casa examinar o caso e até punir, mas jamais ao STF. Simples assim. É o que diz a Constituião com todas as letras. 

A prisão fere a autonomia entre os Poderes, cria insegurança jurídica e reforça a percepção de que o STF implementa uma inaceitável Ditadura do Judiciário, usurpando prerrogativas e tutelando os demais Poderes da República.

A Câmara, hoje, poderá afirmar-se como  fiel defensora da Legalidade Constitucional, já que a Corte nomeada para fazer isto, decididamente agride-a de forma recorrente e consciente.

Caso submeta-se aos arreganhos do STF, os deputados reforçarão o caráter belicoso e usurpador do STF, incentivando-o ao cometimento de maiores usurpações das prerrogativas dos Poderes Legislativo e Executivo.


NOVIDADE!Participe do nosso CANAL no TELEGRAM ou do nosso GRUPO de Whatsapp e receba notícias em primeira mão!

Notícias Recentes:


Damos valor à sua privacidade

Nós e os nossos parceiros armazenamos ou acedemos a informações dos dispositivos, tais como cookies, e processamos dados pessoais, tais como identificadores exclusivos e informações padrão enviadas pelos dispositivos, para as finalidades descritas abaixo. Poderá clicar para consentir o processamento por nossa parte e pela parte dos nossos parceiros para tais finalidades. Em alternativa, poderá clicar para recusar o consentimento, ou aceder a informações mais pormenorizadas e alterar as suas preferências antes de dar consentimento. As suas preferências serão aplicadas apenas a este website.

Cookies estritamente necessários

Estes cookies são necessários para que o website funcione e não podem ser desligados nos nossos sistemas. Normalmente, eles só são configurados em resposta a ações levadas a cabo por si e que correspondem a uma solicitação de serviços, tais como definir as suas preferências de privacidade, iniciar sessão ou preencher formulários. Pode configurar o seu navegador para bloquear ou alertá-lo(a) sobre esses cookies, mas algumas partes do website não funcionarão. Estes cookies não armazenam qualquer informação pessoal identificável.

Cookies de desempenho

Estes cookies permitem-nos contar visitas e fontes de tráfego, para que possamos medir e melhorar o desempenho do nosso website. Eles ajudam-nos a saber quais são as páginas mais e menos populares e a ver como os visitantes se movimentam pelo website. Todas as informações recolhidas por estes cookies são agregadas e, por conseguinte, anónimas. Se não permitir estes cookies, não saberemos quando visitou o nosso site.

Cookies de funcionalidade

Estes cookies permitem que o site forneça uma funcionalidade e personalização melhoradas. Podem ser estabelecidos por nós ou por fornecedores externos cujos serviços adicionámos às nossas páginas. Se não permitir estes cookies algumas destas funcionalidades, ou mesmo todas, podem não atuar corretamente.

Cookies de publicidade

Estes cookies podem ser estabelecidos através do nosso site pelos nossos parceiros de publicidade. Podem ser usados por essas empresas para construir um perfil sobre os seus interesses e mostrar-lhe anúncios relevantes em outros websites. Eles não armazenam diretamente informações pessoais, mas são baseados na identificação exclusiva do seu navegador e dispositivo de internet. Se não permitir estes cookies, terá menos publicidade direcionada.

Visite as nossas páginas de Políticas de privacidade e Termos e condições.

Importante: Este site faz uso de cookies que podem conter informações de rastreamento sobre os visitantes.