Está fora do auxílio emergencial em 2021? Prazo para contestar está acabando



O Governo Federal liberou a lista de beneficiários que receberão o auxílio emergencial em 2021. Estima-se que 45 milhões de cidadãos vão receber o benefício, que vai variar entre R$150 e R$375, a depender do perfil de cada beneficiário.


Está gostando? Participe do nosso GRUPO no TELEGRAM ou do nosso GRUPO de Whatsapp e saiba das notícias em primeira mão!

A 1ª parcela começou a ser liberada ontem, 06 de abril, aos nascidos em janeiro. A liberação acontece na Poupança Digital. Os pagamentos continuarão sendo feitos até 30 de abril com aqueles que nascem em dezembro. O saque em dinheiro desta 1ª parcela, porém, apenas será possível no mês seguinte.

Para saber se você está na lista de aprovados do auxílio emergencial 2021 é bem simples. Para isso, é necessário que você acesse o site do Governo Federal – Ministério da Cidadania, o site da Caixa, ou ligar no telefone 111.

Caso você não esteja na lista, uma contestação poderá ser feita para que o governo faça uma reavaliação. Esse procedimento poderá ser feito de maneira muito simples. Basta que o usuário clique na aba “Contestar”, logo após verificar que não consta seu nome na lista de aprovados. Mas atenção, o prazo vai até a próxima segunda-feira, 12 de abril.

Ademais, vale dizer que somente alguns critérios que podem ser contestados. Veja quem pode e quem não pode receber o auxílio emergencial:

Situações em que é possível realizar contestação

A contestação do novo Auxílio Emergencial é possível em casos de:

  • Extensão do auxílio cancelada (auxílio de R$ 300,00 de 2020 cancelado)
  • Auxílio de R$ 600,00 cancelado em caso de irregularidades
  • Interessado inicialmente inelegível para recebimento das novas parcelas
  • Participantes do Bolsa Família que tiveram Auxílio Emergencial cancelado ou bloqueado

Assim, todo interessado deverá conferir por quais desses motivos ocorreu a negação de seu pedido. Dessa maneira, portanto, caso exista uma incongruência possível de se demonstrar, a contestação se torna mais viável.

Requisitos para receber o auxílio emergencial

Para receber o auxílio emergencial, o trabalhador não poderá ter adquirido vínculo de emprego formal. Ademais, o brasileiro não deve receber recurso financeiro de benefício previdenciário, assistencial, trabalhista ou de programa de transferência de renda federal, ressalvado o Abono-Salarial PIS/PASEP e os benefícios do Bolsa Família.

Inicialmente, ele também não poderá ter indicativo de óbito no Sistema Nacional de Informações de Registro Civil – SIRC ou no Sistema de Controle de Óbitos – Sisobi ou ter o CPF vinculado, como instituidor, à concessão de pensão por morte de qualquer natureza; ou estar preso em regime fechado ou ter o CPF vinculado, como instituidor, à concessão de auxílio-reclusão.

Mas quem pode receber o auxílio emergencial?

Está apto a receber o auxílio emergencial os trabalhadores informais e beneficiários do Bolsa Família. Além disso, o benefício também será disponibilizado para:

  • quem possui renda familiar de até três salários mínimos, ou seja, de R$ 3.300, quem tem renda familiar por pessoa de até meio salário mínimo (R$ 550); e
  • quem recebeu o auxílio em 2020.

Em seguida, o interessado receberá uma resposta sobre sua solicitação. No entanto, não há necessidade de se dirigir a nenhum posto de atendimento Caixa. Pensando no contexto de pandemia da Covid-19, todo o processo ocorrerá forma remota, através da internet.

O Ministério da Cidadania, inclusive, reitera que não será possível a inclusão de novos usuários no programa. Ou seja, a análise e consequente aprovação das contestações apenas serão possíveis de usuários que já participavam anteriormente.

Auxílio Emergencial em 2021

Desde 2021, cresce a indagação acerca de como ficaria o pagamento do benefício. Isso se deu já que os primeiros três meses do ano (janeiro, fevereiro e março) correram sem qualquer concessão. O último pagamento foi em dezembro do ano passado.

No ano de 2020, por sua vez, o Governo Federal liberou 9 parcelas totais do benefício. Dessas, 5 foram no valor de R$ 600,00 para o público geral e R$ 1.200,00 para mães solo. Entretanto, as 4 parcelas seguidas foram reduzidas pela metade, ou seja, R$300.

Já para este ano, após o período em aberto, o Governo Federal liberou novos valores do benefício. Dessa maneira, decidiu-se por:

  • Auxílio Emergencial de R$ 250 para a maior parte dos beneficiários (casais com ou sem filhos);
  • Auxílio Emergencial de R$ 150 para quem reside sozinho (família unipessoal);
  • Auxílio Emergencial de R$ 375 para mulheres chefes de família (famílias monoparentais).

Segundo informações do Decreto 10.661 de 2021, considera-se família monoparental como “grupo familiar chefiado por mulher sem marido ou esposa com, ao menos, uma criança ou adolescente”. Ademais, entende-se por família unipessoal aqueles que moram sozinhos.

De acordo com a Medida Provisória 1.039 de 2020, foi possível realizar a restrição do público geral que receberá as quantias. Isso porque, o dispositivo legal elencou diversas outras exigências para a concessão do benefício.

Auxílio Emergencial em 2021

auxílio emergencial 2021 teve o seu calendário divulgado. A liberação das datas aconteceu no Palácio do Planalto. O calendário/cronograma com todas as datas já foi liberado.

O calendário de pagamentos, a seguir, é destinado para os beneficiários inscritos pelo site ou aplicativo da Caixa, denominado de Caixa Tem. Este grupo, por sua vez, são os informais, microempreendedores individuais e desempregados que receberam auxílio emergencial no ano passado. Além destes, também incluem-se os brasileiros com Cadastro Único.

Veja os 12 pagamentos de abril

  • 06 de abril: Nascidos em janeiro
  • 09 de abril: Nascidos em fevereiro
  • 11 de abril: Nascidos em março
  • 13 de abril: Nascidos em abril
  • 15 de abril: Nascidos em maio
  • 18 de abril: Nascidos em junho
  • 20 de abril: Nascidos em julho
  • 22 de abril: Nascidos em agosto
  • 25 de abril: Nascidos em setembro
  • 27 de abril: Nascidos em outubro
  • 29 de abril: Nascidos em novembro
  • 30 de abril: Nascidos em dezembro


NOVIDADE!Participe do nosso CANAL no TELEGRAM ou do nosso GRUPO de Whatsapp e receba notícias em primeira mão!

Notícias Recentes:


Importante: Este site faz uso de cookies que podem conter informações de rastreamento sobre os visitantes.