Professor militante da UFSC é flagrado pela polícia pichando muro com críticas a Bolsonaro (assista o vídeo)



Um ex-professor da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC), foi preso em flagrante pela polícia de Florianópolis, fazendo pichações na cidade durante a noite.

As frases escritas no murro eram: FORA BOLSONARO ASSASSINO, GENOCIDA, PISICOPATA.

Pego no ato do crime, o professor Carlos Eduardo de Souza, militante de esquerda, teve que apagar todas as pichações que emporcalharam o muro e pedir desculpas às autoridades para não ter que ir para a delegacia.

Que péssimo exemplo!


NOVIDADE!Participe do nosso CANAL no TELEGRAM ou do nosso GRUPO de Whatsapp e receba notícias em primeira mão!

Notícias Recentes:


Importante: Este site faz uso de cookies que podem conter informações de rastreamento sobre os visitantes.