Bolsonaro aumentará em 25% a média do Bolsa Família até setembro



“Só de auxílio emergencial no passado, gastamos mais de 10 anos de Bolsa Família. Então, o PT que fala tanto em Bolsa Família… Hoje, a média é R$ 192. O auxílio emergencial tá R$ 250. É pouco? Sei que tá pouco, mas é muito maior do que a média do Bolsa Família”, afirmou o presidente da República na conversa matutina com apoiadores, nessa quinta-feira dia 29, em frente ao Palácio do Alvorada.

E continuou, se referindo ao futuro aumento no Bolsa Família: ”A gente pretende passar para R$ 250, agora, em agosto, setembro”. Como a média atual do auxílio é de R$ 192, o aumento para R$ 250 configuraria um acréscimo de 25% no Bolsa Família. Vale lembrar aos leitores que, embora o PT fale tanto do Bolsa Família, os auxílios desse programa já existiam no governo FHC. Lula apenas os juntou em um programa só, e deu um novo nome.


Está gostando? Participe do nosso GRUPO no TELEGRAM ou do nosso GRUPO de Whatsapp e saiba das notícias em primeira mão!

Em março de 2021, com os efeitos da crise sanitária e econômica que vivemos, atingimos a triste marca de mais de 14,5 milhões de famílias dependentes do programa de assistência social. O presidente Bolsonaro é o que mais defende o direito dos pobres de trabalhar e ganhar seu sustento. Já gastou mais de 300 bilhões de reais com auxílio emergencial, e agora aumentará o Bolsa Família. E os governadores, como Doria e Leite? O que eles farão pelos brasileiros empobrecidos?


NOVIDADE!Participe do nosso CANAL no TELEGRAM ou do nosso GRUPO de Whatsapp e receba notícias em primeira mão!

Notícias Recentes:


Importante: Este site faz uso de cookies que podem conter informações de rastreamento sobre os visitantes.