PT debaterá um pacto pela democracia



Dirigentes petistas vão aproveitar a reunião do diretório nacional do PT neste sábado, 11 de setembro, para discutir a elaboração de um documento que projete o país para os próximos 30 anos e tenha o compromisso de todos os partidos do campo democrático.

Seria um Pacto pela Democracia.



Está gostando? Participe do nosso GRUPO no TELEGRAM e saiba das notícias em primeira mão!

Em linhas gerais, a ideia é que o compromisso sirva de norte para que o campo democrático, independente do partido que estiver na Presidência da República, garanta a manutenção da democracia, o desenvolvimento econômico e a distribuição de renda.

Lula se interessou pela proposta e pediu que se discutisse a na reunião.

Se aprovado pelo partido, Lula irá procurar lideranças políticas e partidárias para que se tornem signatárias do documento.

Para incluir direita e esquerda, o documento trará o compromisso dos seus signatários em respeitar e promover as liberdades de imprensa, de expressão e religião, o respeito aos demais poderes da República e sua independência, o respeito ao regramento jurídico, aos direitos humanos, ao princípio da transparência. São alguns pontos da defesa da democracia.

No ponto onde tratará de desenvolvimento econômico, o compromisso será de elaborar políticas que deem estabilidade política e jurídica aos empresários e espaço tributário para seus investimentos, ao mesmo tempo que garanta direito aos trabalhadores.

O documento, diz um petista encarregado de elaborar a minuta, tentará ser o menos ideológico possível, respeitando o direito do empresário de buscar o lucro e investir em seus negócios sem que, para isso, precarize os direitos dos trabalhadores, de modo que possam ter tempo e dinheiro para consumir e movimentar a economia.

Outro pilar diz respeito a reforma tributária como compromisso de seus signatários. O norte será tornar os impostos diretos, como o imposto de renda, mais eficiente em arrecadação e, ao mesmo tempo, mais justo, de modo que seja possível reduzir os impostos sobre consumo.

De acordo com o petista, uma maneira de diminuir resistências é promover um grande período de transição, pelo menos três décadas, para que seja possível haver planejamento e previsão, principalmente para empresas.

O documento só será fechado depois de receber sugestões de seus signatários. Falta, porém, admitiu um petista, é convencer adversários e até aliados, que desconfiam das iniciativas do PT em anos pré-eleitorais. “Se fosse fácil, o Brasil já seria uma Suíça”, disse.

O bastidor


NOVIDADE!Participe do nosso CANAL no TELEGRAM ou do nosso GRUPO de Whatsapp e receba notícias em primeira mão!

Notícias Recentes:


Damos valor à sua privacidade

Nós e os nossos parceiros armazenamos ou acedemos a informações dos dispositivos, tais como cookies, e processamos dados pessoais, tais como identificadores exclusivos e informações padrão enviadas pelos dispositivos, para as finalidades descritas abaixo. Poderá clicar para consentir o processamento por nossa parte e pela parte dos nossos parceiros para tais finalidades. Em alternativa, poderá clicar para recusar o consentimento, ou aceder a informações mais pormenorizadas e alterar as suas preferências antes de dar consentimento. As suas preferências serão aplicadas apenas a este website.

Cookies estritamente necessários

Estes cookies são necessários para que o website funcione e não podem ser desligados nos nossos sistemas. Normalmente, eles só são configurados em resposta a ações levadas a cabo por si e que correspondem a uma solicitação de serviços, tais como definir as suas preferências de privacidade, iniciar sessão ou preencher formulários. Pode configurar o seu navegador para bloquear ou alertá-lo(a) sobre esses cookies, mas algumas partes do website não funcionarão. Estes cookies não armazenam qualquer informação pessoal identificável.

Cookies de desempenho

Estes cookies permitem-nos contar visitas e fontes de tráfego, para que possamos medir e melhorar o desempenho do nosso website. Eles ajudam-nos a saber quais são as páginas mais e menos populares e a ver como os visitantes se movimentam pelo website. Todas as informações recolhidas por estes cookies são agregadas e, por conseguinte, anónimas. Se não permitir estes cookies, não saberemos quando visitou o nosso site.

Cookies de funcionalidade

Estes cookies permitem que o site forneça uma funcionalidade e personalização melhoradas. Podem ser estabelecidos por nós ou por fornecedores externos cujos serviços adicionámos às nossas páginas. Se não permitir estes cookies algumas destas funcionalidades, ou mesmo todas, podem não atuar corretamente.

Cookies de publicidade

Estes cookies podem ser estabelecidos através do nosso site pelos nossos parceiros de publicidade. Podem ser usados por essas empresas para construir um perfil sobre os seus interesses e mostrar-lhe anúncios relevantes em outros websites. Eles não armazenam diretamente informações pessoais, mas são baseados na identificação exclusiva do seu navegador e dispositivo de internet. Se não permitir estes cookies, terá menos publicidade direcionada.

Visite as nossas páginas de Políticas de privacidade e Termos e condições.

Importante: Este site faz uso de cookies que podem conter informações de rastreamento sobre os visitantes.