Vereador recorre ao Superior Tribunal Militar para pedir a prisão de Dias Toffoli



O vereador carioca Douglas Gomes (PTC) parece ter resolvido utilizar todos os recursos possíveis à sua disposição para tentar enquadrar o ministro do Supremo Tribunal Federal, Dias Toffoli, que na semana passada fez uma polêmica declaração afirmando que no Brasil já estaria em vigor o regime “semipresidencialista” sob o “poder moderador” do STF.

Após afirmar que entrou com uma notícia-crime na Procuradoria-Geral da República e também no próprio STF contra Toffoli, Gomes anunciou que também recorreu ao Superior Tribunal Militar para pedir a prisão do magistrado.



Está gostando? Participe do nosso GRUPO no TELEGRAM e saiba das notícias em primeira mão!

“Além da representação na PGR e da Notícia-Crime no STF sobre o ataque feito pelo ministro Dias Toffoli, alegando que o STF é o poder moderador e que vivemos em um semipresidencialismo, apresentei Notícia-Crime no STM (Superior Tribunal Militar) onde pedi a prisão do ministro”, afirmou o vereador em suas redes sociais.

A reação de Gomes, no entanto, foi encarada por seus seguidores muito mais como uma demonstração de iniciativa, do que de resultados concretos. Em outra ação semelhante protocolada pelo vereador, também no STM, mas dessa vez contra o youtuber Filipe Neto, por causa de um comentário ofensivo do influenciador contra o Comandante da Força Aérea, a ministra Maria Elizabeth Rocha, relatora do caso, negou a legitimidade da ação.

“Não possui o STM competência para determinar a abertura de processo criminal ou dar andamento à ação privada subsidiária da pública ofertada por quem não seja parte legítima ou interessada”, declarou a ministra na ocasião, em agosto desse ano.

Na ocasião, Gomes acusou Filipe Neto de fazer comentários “capazes de ofender a dignidade ou abalar o crédito das Forças Armadas”. Apesar da previsão de que a ação do vereador contra Toffoli também seja rejeitada, alguns seguidores do parlamentar elogiaram a sua iniciativa.

“É uma notícia ótima mas q TB deixa triste. Um vereador (sem tom pejorativo), ter q tomar atitudes q dep. federais e ou senadores deveriam fazer. Parabéns, meu futuro Dep federal [sic]”, comentou um internauta. Veja a publicação de Gomes, abaixo:


NOVIDADE!Participe do nosso CANAL no TELEGRAM ou do nosso GRUPO de Whatsapp e receba notícias em primeira mão!

Notícias Recentes:


Damos valor à sua privacidade

Nós e os nossos parceiros armazenamos ou acedemos a informações dos dispositivos, tais como cookies, e processamos dados pessoais, tais como identificadores exclusivos e informações padrão enviadas pelos dispositivos, para as finalidades descritas abaixo. Poderá clicar para consentir o processamento por nossa parte e pela parte dos nossos parceiros para tais finalidades. Em alternativa, poderá clicar para recusar o consentimento, ou aceder a informações mais pormenorizadas e alterar as suas preferências antes de dar consentimento. As suas preferências serão aplicadas apenas a este website.

Cookies estritamente necessários

Estes cookies são necessários para que o website funcione e não podem ser desligados nos nossos sistemas. Normalmente, eles só são configurados em resposta a ações levadas a cabo por si e que correspondem a uma solicitação de serviços, tais como definir as suas preferências de privacidade, iniciar sessão ou preencher formulários. Pode configurar o seu navegador para bloquear ou alertá-lo(a) sobre esses cookies, mas algumas partes do website não funcionarão. Estes cookies não armazenam qualquer informação pessoal identificável.

Cookies de desempenho

Estes cookies permitem-nos contar visitas e fontes de tráfego, para que possamos medir e melhorar o desempenho do nosso website. Eles ajudam-nos a saber quais são as páginas mais e menos populares e a ver como os visitantes se movimentam pelo website. Todas as informações recolhidas por estes cookies são agregadas e, por conseguinte, anónimas. Se não permitir estes cookies, não saberemos quando visitou o nosso site.

Cookies de funcionalidade

Estes cookies permitem que o site forneça uma funcionalidade e personalização melhoradas. Podem ser estabelecidos por nós ou por fornecedores externos cujos serviços adicionámos às nossas páginas. Se não permitir estes cookies algumas destas funcionalidades, ou mesmo todas, podem não atuar corretamente.

Cookies de publicidade

Estes cookies podem ser estabelecidos através do nosso site pelos nossos parceiros de publicidade. Podem ser usados por essas empresas para construir um perfil sobre os seus interesses e mostrar-lhe anúncios relevantes em outros websites. Eles não armazenam diretamente informações pessoais, mas são baseados na identificação exclusiva do seu navegador e dispositivo de internet. Se não permitir estes cookies, terá menos publicidade direcionada.

Visite as nossas páginas de Políticas de privacidade e Termos e condições.

Importante: Este site faz uso de cookies que podem conter informações de rastreamento sobre os visitantes.