A farra criminosa da Rouanet na era PT



Luis Alberto C. Machado

19 de Novembro de 2021.



Está gostando? Participe do nosso GRUPO no TELEGRAM e saiba das notícias em primeira mão!

Operação Boca Livre: Durante os governos de esquerda, a farra da Lei Rouanet não conheceu limites, como era de se esperar.

Somente em um dia, durante uma única operação da Polícia Federal, foram presas 14 pessoas acusadas de fraudes contra o Ministério da Cultura e a Secretaria da Cultura do Estado de São Paulo, causando desvios calculados em R$180.000.000,00 (CENTO E OITENTA MILHÕES) ao longo de quinze anos. Em 28 de Junho de 2016, às vésperas do impeachment de Dilma Rousseff, a Operação Boca Livre cumpriu, além das 14 prisões, mais 37 mandados de busca e apreensão entre São Paulo, Rio e Brasília. Em Outubro do mesmo ano, mais 29 mandados foram cumpridos no âmbito da operação.

Os desvios eram realizados através de projetos culturais que nunca foram realizados. Diversos carros de luxo e imóveis foram sequestrados, bem como contas bancárias bloqueadas. Diversas empresas foram investigadas por suspeita de participação no esquema.

O caso emblemático demonstra, muito bem, o que ocorre quando não existe fiscalização, seja por incompetência ou por cumplicidade, na aplicação de recursos públicos de fomento à cultura. Não se trata, apenas, de utilizar mal o dinheiro, financiando artistas milionários e projetos sem qualidade, mas também de responsabilidade e critério objetivo para aprovação dos projetos. A forma relativamente tosca como foram praticadas as fraudes, leva a refletir sobre como devia ser ineficiente, ou corrupta, a análise de tais projetos.

O Governo Bolsonaro é diariamente atacado na velha imprensa, justamente porque acabou com esse carnaval, deixando muitos artistas e canais de comunicação de barriga vazia de financiamento público.

Fontes:

http://g1.globo.com/sao-paulo/noticia/2016/06/policia-federal-faz-operacao-contra-desvios-da-lei-rouanet.html

https://pt.wikipedia.org/wiki/Impeachment_de_Dilma_Rousseff

https://noticias.terra.com.br/brasil/politica/presos-na-operacao-boca-livre-chegam-ao-predio-da-justica-federal-em-sao-paulo,be6b6fd215af07aad2137192641711d1229yxtw3.html


NOVIDADE!Participe do nosso CANAL no TELEGRAM ou do nosso GRUPO de Whatsapp e receba notícias em primeira mão!

Notícias Recentes:


Damos valor à sua privacidade

Nós e os nossos parceiros armazenamos ou acedemos a informações dos dispositivos, tais como cookies, e processamos dados pessoais, tais como identificadores exclusivos e informações padrão enviadas pelos dispositivos, para as finalidades descritas abaixo. Poderá clicar para consentir o processamento por nossa parte e pela parte dos nossos parceiros para tais finalidades. Em alternativa, poderá clicar para recusar o consentimento, ou aceder a informações mais pormenorizadas e alterar as suas preferências antes de dar consentimento. As suas preferências serão aplicadas apenas a este website.

Cookies estritamente necessários

Estes cookies são necessários para que o website funcione e não podem ser desligados nos nossos sistemas. Normalmente, eles só são configurados em resposta a ações levadas a cabo por si e que correspondem a uma solicitação de serviços, tais como definir as suas preferências de privacidade, iniciar sessão ou preencher formulários. Pode configurar o seu navegador para bloquear ou alertá-lo(a) sobre esses cookies, mas algumas partes do website não funcionarão. Estes cookies não armazenam qualquer informação pessoal identificável.

Cookies de desempenho

Estes cookies permitem-nos contar visitas e fontes de tráfego, para que possamos medir e melhorar o desempenho do nosso website. Eles ajudam-nos a saber quais são as páginas mais e menos populares e a ver como os visitantes se movimentam pelo website. Todas as informações recolhidas por estes cookies são agregadas e, por conseguinte, anónimas. Se não permitir estes cookies, não saberemos quando visitou o nosso site.

Cookies de funcionalidade

Estes cookies permitem que o site forneça uma funcionalidade e personalização melhoradas. Podem ser estabelecidos por nós ou por fornecedores externos cujos serviços adicionámos às nossas páginas. Se não permitir estes cookies algumas destas funcionalidades, ou mesmo todas, podem não atuar corretamente.

Cookies de publicidade

Estes cookies podem ser estabelecidos através do nosso site pelos nossos parceiros de publicidade. Podem ser usados por essas empresas para construir um perfil sobre os seus interesses e mostrar-lhe anúncios relevantes em outros websites. Eles não armazenam diretamente informações pessoais, mas são baseados na identificação exclusiva do seu navegador e dispositivo de internet. Se não permitir estes cookies, terá menos publicidade direcionada.

Visite as nossas páginas de Políticas de privacidade e Termos e condições.

Importante: Este site faz uso de cookies que podem conter informações de rastreamento sobre os visitantes.