Argentina supera o Brasil em mortes por milhão de habitantes

Os dados divulgados pela Organização Mundial da Saúde mostram que a velocidade de propagação do coronavírus está aumentando na Argentina e diminuindo no Brasil.

Entre os dias 19 e 24 de outubro, foram confirmados 2.304 casos de contaminação pelo coronavírus e 56 mortes para cada um milhão de habitantes na Argentina. Já no Brasil, essas taxas ficaram em 726 e 16, respectivamente.

Há 10 semanas, os números eram diferentes para os dois países. Na nação vizinha, a taxa de contaminação por milhão era de 1.055, enquanto entre os brasileiros era de 1.473 — a de vítimas para a mesma proporção chegou a 25 na Argentina e 32 em nosso país.

Avalie post