Ex-marqueteiro do PT diz que chapa entre Ciro e Lula seria “imbatível” em 2022

O ex-marqueteiro do PT João Santana afirmou nesta segunda-feira (26), em entrevista ao programa Roda Viva, que uma chapa entre Ciro Gomes (PDT) e Lula (PT) em 2022 seria “imbatível”.

Para ele, o petista condenado é “o vice ideal” de Ciro Gomes (PDT), derrotado em 2018 pelo atual presidente Jair Bolsonaro.

Santana comparou a ideia da atual vice-presidente da Argentina Cristina Kirchner de se candidatar ao lado de Alberto Fernández, mas com ele na cabeça de chapa:

“Impossível ser isso [vice de Ciro], mas essa chapa seria imbatível. É imitar a solução genial eleitoral, que a Cristina fez na Argentina”.

Essa foi a 1ª entrevista que Santana concedeu desde que foi preso pela Lava Jato, em fevereiro de 2016. No ano seguinte, foi solto depois de pagar fiança.

Ele e sua mulher Mônica Moura foram condenados a 7 anos e 6 meses de prisão por lavagem de dinheiro.

Avalie post