Juiza Federal proíbe uso das redes sociais oficiais para falar bem de Bolsonaro

A Justiça Federal no Distrito Federal determinou que o governo federal não pode usar as redes sociais com publicações que promovam autoridades, como o presidente Jair Bolsonaro e ministros. A decisão foi divulgada na quinta-feira e atende a um pedido do Ministério Público Federal (MPF).

O pedido do MPF ocorreeu em março do ano passado.

Há recurso.

Segundo a juíza titular da 3ª Vara Federal do Distrito Federal, Kátia Balbino de Carvalho Ferreira, as postagens vinham “sendo usadas para transmitir irrefutável mensagem de enaltecimento da personalidade do presidente da República”.

Avalie post