Malafaia: Ciro, Lula e Moro “vão quebrar a cara com evangélicos”

O pastor Silas Malafaia deu declarações a respeito dos esforços de candidatos à presidência da República que buscam meios de conquistar votos de evangélicos. Em entrevista ao portal Metrópoles, o religioso disse que Luiz Inácio Lula da Silva (PT), Ciro Gomes (PDT) e Sergio Moro (Podemos) perceberam que o presidente Jair Bolsonaro foi eleito, em 2018, graças ao apoio evangélico.

“O que é esse jogo de Ciro, Lula e Moro? Eles perceberam que Bolsonaro foi eleito graças ao voto dos evangélicos. Nós representamos 32% do eleitorado. Só que os sistemas e os meios que estão usando não são meios para conquistar. Estão enganados e vão quebrar a cara com os evangélicos”, declarou o pastor.

Malafaia é presidente do Conselho Interdenominacional de Ministros Evangélicos do Brasil (Cimeb). Ele tem 3,3 milhões de seguidores no Instagram, 1,5 milhão de inscritos em seu canal no YouTube, 1,4 milhão de seguidores no Twitter e 3,2 milhões de seguidores no Facebook.

O líder da Assembleia de Deus Vitória em Cristo (ADVEC) também ironizou a falta de influência de pastores que apoiaram candidatos como Lula e Moro. Ele afirmou ainda que sabe “quem é quem no mundo evangélico”.

“Sei quem é quem no mundo evangélico. Quem está com Moro, com Ciro e com Lula não representa 1% dos evangélicos. São famosos zés-ninguém. Fico dando gargalhada”, disse.

Avalie post