MBL anuncia que vai processar pessoas que chamaram Kim Kataguiri de nazista

Neste sábado (12), o Movimento Brasil Livre (MBL) anunciou que vai realizar uma live na qual divulgará uma lista de pessoas que serão processadas por terem acusado o deputado federal Kim Kataguiri de ser nazista. A transmissão ao vivo acontecerá na próxima segunda-feira (14).

Por meio de uma nota divulgada no Twitter, o MBL destacou que as ações serão direcionadas a pessoas e veículos por atos de calúnia, difamação e injúria. As informações são do portal UOL.

“O objetivo não é apenas indenizatório, mas também educativo, de forma que tais agentes do cancelamento arquem com as consequências de seus ataques criminosos e deixem de relativizar o nazismo” — diz o comunicado.

Durante participação no Flow Podcast da última segunda-feira (7), Kataguiri disse considerar um erro a criminalização do nazismo na Alemanha. Para o deputado, a ideologia deveria ser “rechaçada pela sociedade”.

Avalie post